Instituto do Animal

Afinal a detenção de animais não traz benefícios para a saúde das crianças?

Acaba de ser publicado na revista científica Anthrozoös um estudo realizado nos EUA que contradiz outros estudos desenvolvidos anteriormente.
Esta nova investigação, que reclama ter utilizado a metodologia cientificamente mais robusta de sempre no estudo deste tema, procura identificar entre mais de 100 factores, aqueles que mais influenciam a saúde das crianças. Numa primeira análise, o estudo confirma que as crianças que têm cão ou gato em casa são mais saudáveis que as crianças que não têm. Contudo, numa análise estatística mais profunda, esta associação entre animais e saúde infantil perde significância. Factores como rendimento familiar auferido e características da habitação parecem explicar melhor as diferenças verificadas ao nível da saúde infantil.


Uma vez que este estudo contradiz as evidências empírica e teórica anterior, teremos de esperar por novos desenvolvimentos científicos para saber até que ponto a saúde física e mental das crianças ganha efectivamente com o facto de estas deterem ou se relacionarem com animais de estimação.


Mais informação sobre o estudo, aqui.

 

2017-08-10

Rua David Leandro Silva 24
Jardim do Poço do Bispo
1950-064 Lisboa
Tlf: 21 868 0421
email@institutodoanimal.pt

Newsletter

Receba as novidades em primeira mão.
Subscreva a nossa newsletter.

Siga-nos no facebook

top
© Instituto do Animal